Pular para o conteúdo principal

Postagens

Mostrando postagens de 2011

Metas para 2012

1)   Não arrumar problemas.


2)        Encarar desafios.





3)        Concentrar-se no trabalho. 



4)        Fazer exercícios.




5)        Ajudar o próximo.



6)        Cuidar dos amigos. 



7)        Estar preparado para dias difíceis.




8)        Descansar mais.




9)        Acreditar que nada é impossível.





e...

10)        Sorrir sempre.



FELIZ 2012

MENSAGEM DE NATAL

Quisera Senhor, neste Natal armar uma árvore dentro do meu coração e nela pendurar, em vez de presentes os nomes de todos os meus amigos.
Os antigos e os mais recentes. Aqueles que vejo a cada dia e os que raramente encontro.
Os sempre lembrados e os que às vezes ficam esquecidos. Os constantes e os intermitentes. Os das horas difíceis e os das horas alegres. Os que sem querer eu magoei, ou sem querer me magoaram. Aqueles a quem conheço profundamente e aqueles a quem conheço apenas as aparências.
Os que pouco me devem e aqueles a quem muito devo. Meus amigos humildes e meus amigos importantes. Os nomes de todos que já passaram por minha vida.
Uma árvore de raiz muito profunda para que seus nomes nunca mais sejam arrancados do meu coração. De ramos muito extensos, para que novos nomes vindos de todas as partes venham juntar-se aos existentes. De sombras muito agradáveis para que nossa amizade seja um aumento de repouso nas
lutas da vida.
Que o Natal esteja vivo em cada dia do ano que se inic…

O Prazer da Vitória

Como é bom vencer Como é saboroso... ...o sabor da vitória Quando superamos a nós mesmos Quando destruímos obstáculos Quando vencemos nossos medos Como é doce a sensação de dever cumprido Cumprir algo que nem ao menos... … sabíamos que eramos capazes Capaz de fazer, capaz de saber E de repente tudo se mostra fácil Atingível, conquistável Como é bom o prazer da vitória Vitória sobre você Vitória sobre seus medos Vitória na vida!
Pris Jardim

Felicidade e Riscos

Feliz é aquele que saboreia quando come, enxerga quando olha, dorme quando deita, compreende quando reflete, aceita-se e aceita a vida como ela é.

Há quem diga que felicidade depende, antes de tudo, de bastar-se a si próprio; de não depender de ajuda, de opinião e, sobretudo, de não se deixar influenciar por ninguém.

Será mesmo? Você pode imaginar uma pessoa assim?

Lao Tzé dizia: "Grande amor, grande sofrimento; pequeno amor, pequeno sofrimento; não amor, não sofrimento".

Pode imaginar você um homem sem paixão, sem desejos? A felicidade, entendida assim, não seria apenas um engôdo, algo contra a natureza humana?

Evidentemente! Sem amor, sem paixão, que sentido teria a existência?

A felicidade é proporcional ao risco que se corre. Quem se protege contra o sofrimento, protege-se contra a felicidade.

Quem se torna invulnerável, torna sem sentido a existência.

O homem feliz aceita ser vulnerável. O homem feliz aceita depender dos outros, mesmo pondo em risco sua própria felicidade.

É a c…

Soneto de Fidelidade

De tudo ao meu amor serei atento. Antes, e com tal zelo, e sempre, e tanto. Que mesmo em face do maior encanto. Dele se encante mais meu pensamento. Quero vivê-lo em cada vão momento. E em seu louvor hei de espalhar meu canto. E rir meu riso e derramar meu pranto. Ao seu pesar ou seu contentamento. E assim, quando mais tarde me procure. Quem sabe a morte, a angústia de quem vive. Quem sabe a solidão, fim de quem ama. Eu possa (me) dizer do amor (que tive): Que não seja imortal, posto que é chama. Mas que seja, infinito enquanto dure . (Vinícius de Moraes)

Em Torno da Felicidade

Em matéria de felicidade convém não esquecer que nos transformamos sempre naquilo que amamos.

Quem se aceita como é, doando de si á vida o melhor que tem, caminha mais facilmente para ser feliz como espera ser.

A nossa felicidade será naturalmente proporcional em relação á felicidade que fizermos para os outros.

A alegria do próximo começa muitas vezes no sorriso que você lhe queira dar.

A felicidade pode exibir-se, passear, falar e comunicar-se na vida externa, mas reside com endereço exato na consciência tranqüila.

Se você aspira a ser feliz e traz ainda consigo determinados complexos de culpa, começe a desejar a própria libertação, abraçando no trabalho em favor dos semelhantes o processo de reparação desse ou daquele dano que você
haja causado em prejuízo de alguém.

Estude a si mesmo, observando que o auto-conhecimento traz humildade e sem humildade é impossível ser feliz.

Amor é a força da vida e trabalho vinculado ao amor é a usina geradora da felicidade.

Se voce parar de se lamentar, no…

Homenagem ao Dia dos Pais

Meu Grande Amor

Pai palavra doce e bonita.
Pessoa de fibra, coragem eu amo amar você.
Na vida às vezes a gente por medo ou vergonha deixamos de dizer
o que sentimos e às vezes isso pode ser ruim, pois quando você
desejar dizer já pode ser tarde demais, por isso que eu todos os dias demosntro,
falo e assumo que você é a razão de meu viver, és meu grande amor,
amigo, confidente enfim você é tudo para mim.
Te amo mais que tudo nesta vida e obrigado pelos conselhos,
pelas lágrimas que não deixastes cair, pelo abraço, pelo beijo,
pelo sono velado. Meu herói especial beijos e feliz dia dos pais .
Obrigado por ser esta pessoa maravilhosa...

O Que é a Felicidade?

Texto de Roberto Shinyashiki

Quando eu era criança, sentia-me muito infeliz. Havia tantas coisas que queria fazer e não podia! Quando me sentia frustrado, pensava no dia em que entraria na escola. Seria então muito feliz. Quando entrei no primário, percebi que ainda faltavam muitas coisas para ser feliz. Então achei que, quando passasse para o ginásio, seria totalmente feliz.

Mas também não foi assim. Imaginei que, quando subisse um pouco mais os degraus do conhecimento e fosse para o colegial, finalmente seria feliz. Mas minha insatisfação continuou. Ah, mas quando entrasse na faculdade de medicina a felicidade viria inevitavelmente. Outra frustração. Os problemas continuavam e a angústia aumentava. Quando me tornasse médico, pensei, alcançaria a felicidade. Teria poder, dinheiro, as pessoas me respeitariam e, dali em diante, tudo daria certo para mim.

Demorou, mas acabei percebendo que não era desse jeito que a vida funcionava. Não havia um momento definitivo de felicidade.

Então co…

Feliz Dia do Amigo

Floresça

No principio da vida todos são iniciados como sementes...
Quando o primeiro broto surge, o Mundo é apresentado a ele...
e muitas vezes os brotos se perguntam: "Como brotei?"
Outros nem sequer se dão conta.
Vivencie o broto do momento...
Flua nesse brotar...
Cultive com amor o seu território,
não deixe as ervas daninhas, construídas de sua própria ilusão,
interferirem no seu crescimento...
Vivencie este crescimento...
Assim você será uma bonita árvore
cheia de sabedoria e amor a oferecer...
Sinta a necessidade do coração
e vá em frente escalando a divindade do seu Ser...
Acredite, o supremo mora em vc...
Brote! Cresça! Sinta se vc está crescendo no caminho certo,
identifique, faça o movimento verdadeiro para que sua árvore não mingue.
Florescer na vida é florescer no hoje, no agora e no amanhã!
Floresça a sua vida, simplesmente floresça!
Autor Desconhecido

As Cores dos Amigos

Amigos são "cores", cada qual com seu matiz, e um jeitão sempre muito marcante. 
Há o Amigo "cor verde" : É aquele que em tudo ressalta a beleza da Vida e põe esperança nela. Ergue-nos! 
Há o Amigo "cor azul" : Ele sempre traz palavras de paz e de serenidade, dando-nos a impressão, ao ouvi-lo, que estamos em contato direto com o céu ou com o profundo azul do mar. Ele nos eleva! 
Há o Amigo "cor amarela" : Ele nos aquece, assim como o sol; faz-nos rir, sorrir e enxergar o amarelo brilho das estrelas bem ao alcance das nossas mãos. 
Há o Amigo "cor laranja" : Ele nos traz a sensação de vigor, saúde, enriquece nosso espírito com energias que são verdadeiras vitaminas para o nosso crescimento. 
Há o Amigo "cor vermelha" : É aquele que domina as regras de viver, é como nosso sangue. Ele acusa perigos, mas nunca nos abala a coragem. É pródigo em palavras apaixonadas e repletas de caloroso amor. 
Há o Amigo "cor roxa" : Ele traz…

Se Anjos Existem

Se anjos existem,


encontramo-los nas amizades que persistem...

Cada amizade encontrada ao léu,

é como um anjo que desceu do céu...



Amizades que surgem para nos ajudar,

para nos fazer a vida melhor apreciar,

que nos fazem agora e sempre acreditar

que tudo sempre pode melhorar...



Se todos no mundo entendessem

o valor de uma amizade verdadeira,

não fariam tanta besteira,

e não deixariam que tantas

coisas acontecessem...



Amigos não enxergam apenas as qualidades,

embora delas todos tenham necessidade...

Amigos convivem com nossos defeitos,

porque somos humanos,

portanto, imperfeitos...



Aceitam-nos, e nos aceitam,

como os seus aceitamos,

e os aceitamos também...



Esses anjos não dispõe de asas,

nem tampouco caminham sobre brasas,

mas tem em sua alma um doce sentimento

que nos conforta em momentos de lamento,

e lhes damos toda essa reciprocidade,

sempre querendo sua felicidade...



Assim, todos somos anjos,

pois não creio que possa haver alguém

que não tenha uma amizade sequer,

em cujo ombro…

Nossas Vidas - Parte Final ( Pris Jardim)

Em uma tarde quente de verão enquanto estava passeando pela beira do mar, ouvi ao longe uma voz conhecida me chamando, por um momento não acreditei e quando chamou novamente eu olhei, era o Marcelo, meu irmão tão querido vindo em minha direção. Mal pude acreditar corri para os braços dele como fazia quando criança e sempre que chegava de viajem. Nos abraçamos fortemente. Marcelo meu querido, pensei que nunca mais o veria.- Disse beijando-o muito e com os olhos cheios de água. Calma minha querida, eu já estou velho, assim você vai me matar.- Disse ele dando uma gostosa gargalhada. Marcelo, o que faz aqui? Vim passar o Natal com minha irmãzinha, não posso? Passar o Natal, que felicidade, já estava pensando como ia ser triste passar o Natal aqui sozinha, sempre passamos com nossos avós, que alegria! É minha querida e não vim sozinho, Matheus veio comigo, afinal não ia deixar meu filhão sozinho. Nossa Marcelo, nem posso imaginar, um Natal em família como nos velhos tempos. Vamos ent…

Nossas Vidas 12º Parte ( Pris Jardim)

A casa estava do mesmo jeito que da última vez que estivi ali. Estava tão cansada que não pensei muito fui dormir no mesmo quarto que dormia quando ia passar as féria, ele era amplo e a janela dava para o jardim e era nele que iria ficar.
Na manhã seguinte fui acordada com batidas na porta da frente me assustei afinal ninguém sabia que eu já tinha chegado, desci rápido as escadas e fui abrir a porta. -Bom dia! É a senhora Carla eu imagino? -Sou eu mesma e você quem é?
-Sou a copeira que seu irmão Marcelo contratou para ajuda-la na arrumação e cuidar da comida- me disse aquela senhora de sorriso larga e gentil e antes mesmo de eu dizer qualquer coisa ela já foi entrando e se rumou para a cozinha eu fechei a porta e fui atras dela.
-Meu irmão não me falou sobre você. Como se chama?
-Meu nome é Odete, fui copeira dele por alguns anos, até a morte de sua esposa, depois ele e seu filho foram morar com sua mãe, aí ele me trouxe pra cá e disse que era pra eu manter a casa sempre limpa e…

Nossas Vidas 11º Parte ( Pris Jardim)

No dia seguinte resolvi que não mais ficaria parada vendo minha vida passar sem nada fazer por ela. Desde que nasci sempre me disseram o que fazer e a única vez que fiz alguma coisa pela minha cabeça tinha terminado do jeito que terminou, então resolvi recomeçar. Escrevi uma carta para o Marcelo pedindo notícias e contando as últimas que me aconteceram. Contei também que só agora havia lido a carta e enviei, sem saber se obteria respostas. Enquanto aguardava a resposta, peguei parte do dinheiro que o Rodolfo me mandará fui a cidade e comprei alguns vestidos novos, arrendei parte das minhas terras para o fazendeiro vizinho para a criação de gado. Fiquei com pedaço bom para minha horta e meu jardim, assim teria dinheiro e menos trabalho. Não queria mais saber de amar, queria passar os meus dias ali aonde um dia fui muito feliz. Escrevi uma carta para o Rodolfo e esperei até o dia do mensageiro dele me trazer o dinheiro, isso se realmente aquele homem voltaria. Na carta disse para Rodolfo se…

Nossa Vidas- 10º Parte ( Pris Jardim)

- Senhora Carla?                     _ Sim sou eu.       _Eu sou empregado do senhor Rodolfo, ele me pediu pra vir buscar as crianças e lhe entregar esse bilhete. Peguei a carta, minha mão tremia muito, mas abri o bilhete e li:        - Meu amor, mande as crianças pelo José, em breve vou mandar buscar-lhe também, e assim que der vou lhe ver.        - Me desculpe pela demora, mas meu pai está muito doente. Eu lia aquilo e não acreditava no que eu estava lendo, finalmente nossas vidas voltariam ao normal. Mandei as crianças e fiquei esperando o dia de me juntar a eles. Algumas semanas se passaram, e a cada dia meu coração me dizia que ele nunca mais voltaria, mas conservava a esperança que um dia Rodolfo voltaria para me buscar. Numa tarde fria de inverno parou uma carruagem em minha porta, eu me levantei do sofá, onde estava tomando um chá para tentar me esquentar, quando bateram à porta. Meu coração disparou, pensei- Meu amor veio me buscar. -Senhora Carla, boa tarde. -Boa tarde José.- Ma…

Nossa Vidas- 9º Parte ( Pris Jardim)

- Se tiver alguém aqui que possa impedir que esse casal se case que fale agora ou se cale para sempre. -Eu tenho padre- Todos olharam para Silas- Ele não ama essa mulher ele ama a irmã dela. O chão sumiu debaixo dos meus pés, Rodolfo me olhou e nossos olhares então falaram por nós, sem dizer palavra, Rodolfo saiu do altar e veio em minha direção, me pegou pelo braço e saímos os dois correndo dali. No fundo ouvíamos as pessoas gritando,xingando , choros, mas naquele momento não pensei em ninguém, só em mim. Já havia perdido muito tempo da minha vida pensando nos outros e agora que tinha meu amor ao meu lado o mundo podia acabar que eu não iria ligar. Fugimos dali para um sítio que Rodolfo tinha herdado de um tio seu no interior de São Paulo. Por alguns dias foi mágico, ninguém tinha vindo atrás de nós até que um dia batem a porta quando eu abri quase morri, era meu pai. -Papai, o que faz aqui? -Você ainda pergunta sua desavergonhada. -Por favor papai, não fale assim comigo. Ele entrou e então …

Nossa Vidas- 8º Parte ( Pris Jardim)

Finalmente cheguei em casa depois de muito tempo, todas essas lembranças me deixaram com mais saudades da minha família. Não sabia como eles estavam e nem tão pouco como me receberiam, mas nada me importava, queria estar com eles. Quando cheguei percebi uma movimentação anormal em casa, Marcelo estava no portão parecia que adivinhara minha chegada. - Carla, o que faz aqui? – Disse meio ressabiado. - Nossa meu irmão, depois de tanto tempo é assim que me recebe? - Desculpe, estou feliz em revê-la é que não sabia de sua volta. - Decidi voltar após o falecimento de nossa tia, não via mais razão de ficar na Itália sozinha e estava morrendo de saudades de todos. Marcelo me deu um abraço gostoso e entramos. Dentro de casa estava um corre corre. - O que está acontecendo e cadê todos? - Hoje é o dia do casamento de Juliana. Aquelas palavras me doeram na alma. - Como hoje, pelas minhas contas já era pra eles terem se casados a um mês. - Juliana ficou muito doente e tiveram que adiar a data. - Mas como ela …